Precisamos sair desta noite escura

Médico com doutorado na Harvard University, Carlos Nery tem sido um nome de referência quando o assunto é a covid-19 no Piauí


Com a apreensão contínua na cabeça de milhões de pessoas ao redor do mundo, é inevitável não haver um sentimento de longa e demorada espera. Os últimos seis meses não têm sido fáceis de serem atravessados. A analogia do infectologista Carlos Nery sobre uma noite escura faz mais sentido do que se pode imaginar. Afinal, hoje sabemos que a escuridão da noite não se dá meramente porque estamos no lado da Terra não iluminado pelo Sol, mas porque o Universo teve um começo. Sem estrelas, esse período sombrio do Universo deixa sua marca noturna até hoje. Mas a paciente e contínua atuação das forças universais garantiram não só a luz e um possível amanhecer neste nosso planeta, mas também a vida.


A luta pela sobrevivência durante a pandemia que enfrentamamos tem exigido esforço de cada pessoa, para um novo amanhecer. Carlos Nery diz que “temos que fazer um lockdown para que amanheça” e garante que essa medida precisa ser tomada em um conjunto de forças e de decisões pensadas na coletividade. O médico passeia pela história, pela política e faz com que compreendamos uma dimensão muito maior e interdependente da situação atual.


Suas reflexões levam em consideração uma experiência vasta na luta contra doenças emergentes. Seu modo sincero de dizer as coisas nos dá um alerta de como podemos agir mais precisamente.

A entrevista foi concedida por videoconferência em 26 de junho de 2020. Confira.